Se não consegue visualizar este email, clique aqui

NEWSLETTER Nº4 - 5 DEZEMBRO 2014
logo PS Lisboa

XX CONGRESSO DO PARTIDO SOCIALISTA

Realizou-se nos dias 29 e 30 de Novembro o XX Congresso do Partido Socialista na FIL em Lisboa.

A moção "Mobilizar Portugal" apresentada por António Costa ao XX Congresso do PS foi aprovada por unanimidade o que acontece pela primeira vez na história do Partido Socialista. Poderá consultar a mesma aqui.

Orgãos Nacionais eleitos:

Secretariado Nacional
Comissão Política Nacional
Comissão Nacional
Comissão Nacional de Jurisdição
Comissão Nacional de Fiscalização Económica e Financeira
Diretor do Acção Socialista: Edite Estrela
Diretor do Portugal Socialista: Pedro Delgado Alves

CONSELHO AUTÁRQUICO
DA CONCELHIA DO PS LISBOA

O Vereador da Câmara Municipal de Lisboa, Jorge Máximo, foi o convidado para uma sessão do Conselho Autárquico do PS Lisboa, no passado dia 25 de Novembro. Este foi um momento para partilhar o que melhor se faz em Lisboa, ao nível de boas práticas autárquicas, seja na CML, seja nas juntas de freguesia da cidade.

VISITA DE TRABALHO
À FREGUESIA DO LUMIAR

No passado dia 21 de Novembro, Duarte Cordeiro, Presidente do PS Lisboa, esteve presente na freguesia do Lumiar, no seguimento da iniciativa de visitas de trabalho às freguesias de Lisboa. O dia começou com uma reunião com o Executivo da Junta de Freguesia do Lumiar, que tem como Presidente, Pedro Delgado Alves. Nesta reunião foram abordados diversos temas de interesse para o Lumiar, como a requalificação de arruamentos, a construção de salas na Escola Básica 31 e ainda pequenos projectos de acupunctura urbana. Seguiu-se um almoço onde marcaram presença os membros do Secretariado do PS Lisboa, o Executivo da Junta de Freguesia do Lumiar e alguns Presidentes de juntas de freguesia de Lisboa.

A tarde foi preenchida a visitar projectos integrados no programa “Uma Praça em cada Bairro”, tendo terminado com uma vista ao Mercado do Lumiar.

A próxima visita de trabalho será à freguesia de Benfica, no dia 5 de Dezembro.

4 QUESTÕES A PEDRO DELGADO ALVES, PRESIDENTE DA JUNTA DE FREGUESIA DO LUMIAR

Fotografia

1. Que balanço faz do primeiro ano de mandato à frente dos destinos da Junta de Freguesia do Lumiar?

Após um ano em funções o balanço é claramente positivo. Apostámos num maior envolvimento com as parecerias comunitárias locais, no reforço da oferta de apoios sociais (criação de novos modelos de apoio social através do Fundo de Emergência Social, articulação reforçada das iniciativas apoio jurídico à população desfavorecida, apresentação de desempregados na sede da Freguesia, entre outras), na programação cultural descentralizada e regular, na proximidade da gestão através da itinerância das reuniões dos órgãos da Freguesia e num modelo de resposta rápida às necessidades de intervenções de espaço público.

2. Com a reforma administrativa da cidade de Lisboa as juntas de freguesia receberam novas competências. Quais os desafios que tem encontrado?

A reforma administrativa de Lisboa corresponde, em larga medida, à construção de novas freguesias, com mais competências, com um quadro de pessoal acrescido e também com uma nova escala de complexidade. Decorridos os primeiros dez meses da reforma, foi já possível melhorar as formas de resposta de proximidade (no domínio da limpeza e higiene urbana e da manutenção dos espaços verdes, por exemplo), diagnosticar necessidades de investimento e de intervenção nas infraestruturas afetas às novas tarefas, e coordenar as tarefas já desempenhadas pela Freguesia com as tarefas herdadas (nas áreas da Cultura e Educação, por exemplo). As necessidades de pessoal para o desempenho de algumas das novas competências e as necessidades de novas instalações para funcionamento de todos os serviços são os principais desafios a ultrapassar na próxima fase, de forma a concluir a operação de reforma.

3. Que projectos ambiciona realizar até ao final do mandato?

A requalificação do centro do Lumiar, em articulação com as iniciativas da CML para a requalificação urbana, a expansão e melhoria da gestão de espaços verdes e hortas urbanas, a revitalização do Mercado do Lumiar e o desbloquear das carências de espaços desportivos são algumas das áreas de intervenção em infra-estruturas a programar. No plano das políticas sociais, o reforço da coordenação das várias instituições do território através de uma verdadeira rede social para a Freguesia, a aposta na criação de um Conselho das Escolas para aprofundamento da oferta extracurricular e de desenvolvimento integrado da educação na Freguesia e a criação de condições acrescidas para as parcerias comunitárias locais são outros eixos de intervenção relevante.

4. Qual o papel que está reservado para a freguesia do Lumiar na cidade de Lisboa?

Aquela que é hoje a mais populosa e rejuvenescida Freguesia da cidade representa um capital fundamental para testar o potencial da reforma administrativa, criando uma nova centralidade no norte da cidade, construindo uma comunidade pautada por uma vida cultural e social dinâmica e, acima de tudo, participada pelos residentes. Também no plano social, o Lumiar tem tudo para poder ser destino de investimento nas qualificações das populações mais desfavorecidas, e para contrariar a espiral de pobreza que a austeridade presente corre o risco de agravar.

    Partido Socialista    

PS LISBOA ©2014 - Direitos Reservados
Recebe esta newsletter porque está inscrito na nossa base de dados.

Facebook
Facebook
  Email
Email
  Website
Website
 
 
 
Partido Socialista